Área Restrita

Novos Apelos!

Comunidade: Casa Provincial - São Paulo - SP

Incluída em: 24/04/2017 | 13:23

6 comentário(s) ...



 

“O coração do catequista vive sempre o movimento de união com Jesus e encontro com o outro. [...] o amor te atrai e te envia, te toma e te doa aos outros”.

(Papa Francisco aos catequistas, 27/09/2013)

 

 

 

Vivenciando um dos aspectos fundamentais do nosso carisma que é o da Palavra, eu Ir. Jeane e Ir. Marli Zavaski assumimos um trabalho de formação com os catequistas, na Paróquia Santa Margarida Maria de Alacoque, em Taboão da Serra.

O primeiro encontro foi realizado em 19 de março, onde, por meio de diálogo e dinâmicas, fizemos uma sondagem para conhecer um pouco da realidade, das forças e fraquezas que eles identificam no processo catequético atual, e dos anseios em relação ao trabalho formativo.

 

Considerando os aspectos do primeiro encontro, em 23 de abril, foi realizado o segundo, de cunho mais formativo. À luz do percurso histórico da catequese evidenciamos as suas características dos séculos I ao XX e as transformações que a mesma passou, nos âmbitos de conteúdo, concepção de sujeito, de métodos e de comunidade catequizadora.

O encontro visou encontrar respostas para três questões:

1. O que é a catequese?

2. No contexto do cristianismo, quando ela surgiu?

3. O que é ser catequista?

 

Houve bastante interação e percebemos grande interesse e desejo de crescimento. Catequese é fazer ecoar a Palavra de Deus, o próprio Verbo, Jesus Cristo. Por isso, insistimos que o essencial da catequese é conduzir a pessoa num processo de experiência com a pessoa de Jesus; que a Bíblia é o livro por excelência da catequese; que é preciso acompanhar o catequizando em seu caminho de identificação com a proposta de Jesus e a transformação da própria vida. O catequista neste processo é, portanto, um Ministro da Palavra, um facilitador desta rica e bonita experiência de formar discípulos/missionários.

 

A catequese não deve prescindir do seu caráter de formar discípulos/missionários de Jesus Cristo, centro e fim de toda a ação catequética!

 

Irmãs Jeane B. Aguiar e Marli Zavaski.

 



Albina Bosio

E-mail: albinabosio@gmail.com - Data: 24/04/2017 | 15:45

Parabéns Irmãs. desejo muitas bênçãos

Ir. Lourdes

E-mail: lourdeslara@uol.com.br - Data: 25/04/2017 | 10:40

Muito bem é isso aí, sempre podemos doar um pouco mais de nós mesmas. Parabéns!!! Vão em frente... Que Deus abençõe.

Ir.Gerlândia

E-mail: alencrgerlandia@hotmail.com - Data: 25/04/2017 | 10:51

Queridas Irmãs Marli e Jeane, graças a Deus mais Pastorinhas indo ao encontro das orientações do Papa Francisco ir as periferias anunciar o Evangelho às pessoas. Deus abençoe vocês nesta bela missão com os catequistas em Taboão. Um abraço fraterno e orações. Ir.Gerlândia Alencar

Ir.M.Augusta

E-mail: iraugusta@gmail.com - Data: 25/04/2017 | 17:35

Parabéns ,gostei de ver Marli voce ai .Que o Bom Pastor abençoe Um grande abraço para voce e Ir. Jeane

lilian

E-mail: liliandalsantos@hotmail.com - Data: 27/04/2017 | 08:20

Ir. Marli, que alegria de te ver. Que saudade! Quando vai vir fazer uma visita no Sul? Parabéns, a catequese é um campo vasto, bonito, avante.. Abraços e preces, Ir. Lílian

Lusineide Cardoso de Melo

E-mail: lcmpastorina@hotmail.com - Data: 27/04/2017 | 09:58

é isso ai! Jesus Bom Pastor as bençoe em todas a iniciativas. o Evangelho não pode ficar parado.

 
 
 

digite os números e as letras (maiúsculas ou minúsculas) conforme a imagem no campo abaixo para validar seu contato